O que é: Laserterapia para Estrias

Escrito por em Outubro 9, 2023
Junte-se a mais de X pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

O que é Laserterapia para Estrias?

A laserterapia para estrias é um tratamento estético que utiliza a tecnologia do laser para reduzir a aparência das estrias na pele. As estrias são cicatrizes que se formam quando a pele é esticada além de sua capacidade de elasticidade, geralmente devido ao ganho de peso, crescimento rápido ou gravidez. Essas marcas indesejadas podem afetar a autoestima das pessoas e muitas vezes são difíceis de tratar com métodos convencionais.

Como funciona a Laserterapia para Estrias?

O tratamento de laserterapia para estrias funciona através da aplicação de feixes de luz concentrada na área afetada. Esses feixes de luz penetram na pele e estimulam a produção de colágeno, uma proteína essencial para a elasticidade e firmeza da pele. O colágeno ajuda a preencher as estrias, tornando-as menos visíveis e suavizando sua aparência.

Benefícios da Laserterapia para Estrias

A laserterapia para estrias oferece uma série de benefícios para aqueles que desejam reduzir a aparência dessas marcas indesejadas. Alguns dos principais benefícios incluem:

– Redução da aparência das estrias: o tratamento de laserterapia ajuda a suavizar as estrias, tornando-as menos visíveis e mais uniformes em relação à cor e textura da pele circundante.

– Estimulação da produção de colágeno: o laser estimula a produção de colágeno na pele, o que ajuda a preencher as estrias e melhorar a elasticidade e firmeza da pele.

– Resultados duradouros: ao contrário de outros tratamentos para estrias, a laserterapia oferece resultados duradouros, desde que sejam seguidas as recomendações do profissional e sejam realizadas as sessões necessárias.

– Não invasivo: a laserterapia para estrias é um tratamento não invasivo, o que significa que não há necessidade de cirurgia ou incisões na pele. Isso reduz os riscos e o tempo de recuperação associados a procedimentos invasivos.

Como é feito o tratamento de Laserterapia para Estrias?

O tratamento de laserterapia para estrias é realizado em sessões, geralmente com intervalos de algumas semanas entre elas. Antes do início do tratamento, é importante que o paciente passe por uma avaliação com um profissional especializado para determinar se ele é um candidato adequado para o procedimento.

No dia do tratamento, a área a ser tratada é limpa e, em seguida, é aplicado um gel ou creme na pele para ajudar a protegê-la e facilitar o deslizamento do aparelho de laser. O profissional então utiliza o aparelho de laser para emitir os feixes de luz na área afetada, movendo-o suavemente sobre a pele.

O procedimento pode causar uma sensação de calor ou formigamento na pele, mas geralmente é bem tolerado pelos pacientes. Após o tratamento, é comum que a pele fique levemente avermelhada e sensível, mas esses efeitos geralmente desaparecem em poucos dias.

Quantas sessões são necessárias?

O número de sessões necessárias de laserterapia para estrias pode variar de acordo com o tipo e a gravidade das estrias, bem como a resposta individual de cada paciente ao tratamento. Em média, são recomendadas de 3 a 6 sessões para obter resultados satisfatórios.

É importante ressaltar que a laserterapia para estrias não é um tratamento instantâneo e os resultados podem levar algum tempo para se tornarem visíveis. Além disso, é fundamental seguir as orientações do profissional e comparecer a todas as sessões recomendadas para obter os melhores resultados possíveis.

Quais são os cuidados após o tratamento?

Após o tratamento de laserterapia para estrias, é importante seguir alguns cuidados para garantir a recuperação adequada da pele e maximizar os resultados do procedimento. Alguns cuidados comuns incluem:

– Evitar a exposição ao sol: a exposição ao sol pode prejudicar a recuperação da pele e aumentar o risco de complicações. É importante evitar a exposição direta ao sol e utilizar protetor solar com fator de proteção adequado.

– Hidratar a pele: manter a pele hidratada é essencial para a sua recuperação. Utilize cremes hidratantes recomendados pelo profissional para ajudar a manter a pele saudável e evitar o ressecamento.

– Evitar atividades físicas intensas: atividades físicas intensas podem aumentar a transpiração e irritar a pele tratada. É recomendado evitar exercícios vigorosos por alguns dias após o tratamento.

Contraindicações da Laserterapia para Estrias

Embora a laserterapia para estrias seja considerada um tratamento seguro e eficaz, existem algumas contraindicações que devem ser consideradas. O tratamento não é recomendado para pessoas com:

– Pele bronzeada ou recentemente exposta ao sol;

– Infecções ativas na área a ser tratada;

– Histórico de queloides;

– Gravidez ou amamentação;

– Doenças de pele ativas, como psoríase ou eczema.

Considerações finais

A laserterapia para estrias é uma opção de tratamento eficaz para reduzir a aparência das estrias e melhorar a autoestima das pessoas. É importante procurar um profissional qualificado e seguir todas as recomendações para obter os melhores resultados possíveis. Lembre-se de que cada caso é único e os resultados podem variar de pessoa para pessoa.